Jogo para medir a pressão

O jogo desta noite vai servir para ver se o Furacão Alvinegro conseguirá manter o foco ou se deixará dominar pelo relaxamento natural depois de ter garantido vaga na decisão do estadual e na Copa do Brasil 2009.

Os retornos de Asprilla e Rodrigo Fabri são boas notícias. Carlinhos, mesmo liberado da suspensão, pode ficar em Florianópolis que ninguém dará por sua falta. A má notícia é a ausência do artilheiro Edu Sales.

Neste turno, o Figueira terá a vantagem de fazer seis jogos em casa e cinco fora. Dos jogos em casa, os mais encardidos prometem ser contra Joinville ? pela rivalidade e não pelo momento atual do JEC ? e o clássico contra o Avaí. Fora, paradas duras contra Criciúma, Chapecoense e Metropolitano.

Para começar, espera-se que o time tenha aprendido a lição do turno e não desperdice pontos bobos. O jogo de hoje contra o Juventus, por exemplo, é daqueles que não se pode ganhar menos de três pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *